Prefeitura do Rio promove ciclo de palestras de imortais da ABL e concurso de redação

Rio de Janeiro (RJ) – A Prefeitura do Rio de Janeiro promove um concurso de redação para estudantes da rede municipal de ensino do  8º e 9º anos e da Educação de Jovens e Adultos (EJA). O concurso é parte da programação da 16ª edição da Maratona Escolar Grandes Autores. Iniciativa da Secretaria Municipal de Educação em parceria com a Academia Brasileira de Letras, a maratona tem como homenageado o  poeta, escritor e ensaísta Ferreira Gullar (1930-2016). O novo circuito levará aos alunos das escolas públicas da cidade uma série de palestras de imortais da Academia Brasileira de Letras (ABL) sobre a vida e obra do autor. O acadêmico Arnaldo Niskier abre a Maratona, nesta sexta-feira (10), às 9h30, no auditório do Centro Administrativo São Sebastião, na Cidade Nova, com a palestra  ‘Entre cestas, braçadas e caneladas’.

“Essa parceria da prefeitura com a Academia Brasileira de Letras tem valor inestimável. Trata-se de uma oportunidade de ouro para que nossos estudantes tenham contato com os grandes escritores que o nosso país produziu e produz. A literatura é uma das bases para a educação de qualidade, a educação que amplia horizontes, que forma homens e mulheres capazes de construir uma sociedade justa e feliz. E nossos acadêmicos, generosos, transmitirão seus conhecimentos para jovens que trilharão a estrada ensolarada da cultura”, disse o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRB).

Entre os dias 13 e 17 de agosto, o presidente da ABL, Marco Lucchesi, e os demais acadêmicos Domício Proença Filho, Evanildo Bechara, Antônio Torres, Antonio Carlos Secchin e Carlos Nejar vão palestrar para estudantes de todas as 11 Coordenadorias Regionais de Educação.

Os alunos interessados em participar do concurso de redação devem produzir seus textos – sempre com o foco no tema ‘A vida e a obra de Ferreira Gullar’, até o dia 6 de setembro, com o máximo de 30 linhas digitadas ou manuscritas em letra legível.

A partir da data, ocorrem etapas de seleção dos textos por diferentes setores da Secretaria Municipal de Educação (SME). Os trabalhos escolhidos pela secretaria serão avaliados por uma comissão da ABL, composta por três acadêmicos. Caberá aos imortais apontar os seis melhores textos – cinco do Ensino Fundamental e um do EJA.

As escolhas da comissão serão conhecidas no dia 14 de novembro, mês em que ocorrerá a cerimônia de premiação na Casa de Machado de Assis, a sede da ABL no Centro do Rio.  Serão premiados com kits de livros as escolas, os professores, e os alunos dos textos escolhidos.

Organizada pela Gerência de Leitura e Audiovisual da Secretaria Municipal de Educação (SME) em parceria com a ABL, a Maratona Escolar Grandes Autores difunde, através da escolha de um homenageado, a obra de grandes autores brasileiros junto aos alunos e escolas municipais do Rio. Ariano Suassuna, João Ubaldo, Rachel de Queiroz, Érico Veríssimo, Euclides da Cunha e Guimarães Rosa, entre outros grandes escritores, já foram tema da iniciativa.

O homem, o poeta e o autor

Nascido José Ribamar Ferreira em 10 de setembro de 1930, em São Luís, o escritor adotou o nome Goulart da mãe aos 18 anos com grafia portuguesa. Ferreira Gullar morreu em 4 de dezembro de 2016. Publicou seu primeiro livro de poemas aos 19 anos.

Seu trabalho teve o reconhecimento dos Prêmios Camões e Jabuti. Foi imortal da ABL, onde ocupou a cadeira 37. Em 2010, recebeu o título de Doutor Honoris Causa da Faculdade de Letras da UFRJ.  Sua produção, sempre ligada a questões contemporâneas, atravessou mais de seis décadas. Para alguns críticos é considerado o maior poeta brasileiro.

Texto e foto: Ascom – Prefeitura do Rio de Janeiro