Daniel Guerra avalia atendimento na UPA após fechamento do Postão para reformas

Caxias do Sul (RS) – O prefeito Daniel Guerra (PRB) avaliou in loco a movimentação na Unidade de Pronto Atendimento 24 Horas (UPA 24H), na quarta-feira (17), após o fechamento do Pronto Atendimento 24 Horas (PA 24H) para reformas, às 23h59 desta terça-feira (16). O chefe do Executivo conversou com os cerca de 20 pacientes que esperavam por uma consulta e também com os que já estavam sendo atendidos nos leitos adultos e pediátricos. Conforme a direção do Instituto de Gestão e Humanização (IGH), entidade de gestão compartilhada da UPA 24H, o fluxo foi normal ao longo do dia.

“O plano de contingência está fluindo bem e a comunidade está entendendo qual é o local mais adequado para o seu atendimento, conforme a necessidade de cada um. As pessoas não estão desassistidas e estamos tendo a colaboração da população em irem ao local correto”, avaliou Daniel Guerra. “Queremos melhorar o PA 24H, que não estava adequado ao que a comunidade precisa, e entregar a todos uma Unidade de Pronto Atendimento de porte três, com equipamentos e atendimentos de qualidade”, ressaltou.

Daniel Guerra avalia atendimento na UPA após fechamento do Postão para reformasO prefeito perguntou aos pacientes sobre a satisfação com o atendimento prestado pela UPA e todos responderam que estavam sendo bem atendidos. Também pediu para que respondessem ao questionário de avaliação disponível na recepção da unidade, a fim de que eventuais defeitos possam ser corrigidos e de que sejam feitas melhorias contínuas. “Queremos que as pessoas também se sintam assim no PA, com um atendimento rápido e eficaz. Por isso estamos fazendo essas obras”, destacou.

Também participaram da visita o secretário interino da Saúde, Júlio Freitas, e o líder de governo na Câmara, vereador Chico Guerra.

Reforma

As obras de reforma e ampliação do Postão visam entregar um serviço melhor à comunidade. Serão executadas pela Técnica Construções Ltda, selecionada por meio de licitação. O investimento será de R$ 637,5 mil. A previsão é que durem 180 dias.

Com esta reforma, será possível pleitear ao Ministério da Saúde a habilitação do local como Unidade de Pronto Atendimento Nível III (UPA III). Assim, poderá receber até R$ 525 mil por mês dos governos federal e estadual. Atualmente, o PA 24H é custeado exclusivamente com verbas oriundas da arrecadação do Município.

Texto e fotos: Ascom – Prefeitura de Caxias do Sul