Doutora Juliana quer cota habitacional para mulheres vítimas de violência doméstica

Rio Branco (AC) – A deputada estadual Doutora Juliana (PRB-AC) apresentou na terça-feira (9), na Assembleia Legislativa do Acre, um projeto de lei que visa estabelecer cota para as mulheres vítimas de violência doméstica nos programas de habitação de interesse social no estado.

Segundo a parlamentar, a medida é decisiva para o rompimento do ciclo de violência, uma vez que, em muitos casos, a mulher vítima se cala diante das agressões pelo fato de não ter para onde ir. “Há muitos casos em que a mulher é dependente economicamente do agressor, incluindo a moradia, o que a desencoraja a deixar o ambiente violento”, explica a republicana.

Na fundamentação da proposta de lei, Doutora Juliana destaca que a violência contra a mulher, por ter vários fatores desencadeantes e se tratar de uma “epidemia”, deve ser analisada e combatida nas mais diversas frentes, desde a prevenção até à repressão.

Texto: Ascom – deputado estadual Doutora Juliana
Foto: Ascom – Aleac