Há três anos, Faculdade Republicana dava start em suas primeiras aulas

Há três anos, Faculdade Republicana dava start em suas primeiras aulas

Mantida pela FRB, faculdade completa aniversário de abertura de turmas

[BRASÍLIA/DF] Em 29 de julho de 2019, o recém-inaugurado Complexo Republicano, edifício de quatro andares instalado na Asa Sul, bairro localizado no coração da capital federal, recebia os primeiros alunos matriculados na graduação de Ciência Política na então mais recente Instituição de Ensino Superior (IES) do Distrito Federal: a Faculdade Republicana, cujo

credenciamento do Ministério da Educação – MEC; recebeu validação em agosto de 2018.

O Complexo ainda acopla em seu prédio as sedes do partido Republicanos, da Fundação Republicana Brasileira (FRB) e da Faculdade Republicana, mantida pela Fundação e a primeira IES a ser financiada por uma entidade partidária.

Para o tesoureiro republicano Mauro Silva, um dos idealizadores do projeto acadêmico quando presidia a FRB, em meados de 2013, o maior dos desafios foi colocar o planejamento em prática: “Hoje quem vê toda esta estrutura física pronta não faz ideia do trabalho que deu para fazer acontecer”, relata Silva, bem-humorado. “Foram anos de suor, estudos, planejamento e recrutamento para realizarmos esse sonho. E um dos motivos da criação da faculdade foi possibilitar a capacitação dos jovens que desejam fazer política”, garante.

A diretora administrativa Telma Franco, na época gerente da Fundação, se lembra perfeitamente do diálogo com Silva no dia em que surgiu o sonho de transformar o projeto da FRB em uma entidade acadêmica: “Conversávamos sobre o papel de formar cidadãos da Fundação quando o então presidente Maur propôs: “Telma, já que ofertamos curso de política como carro-chefe, por que não criarmos uma faculdade para oferecemos também graduação em Ciência Política para a população?”, recorda-se.

Para Rusembergue Barbosa, presidente da mantenedora, A Faculdade Republicana continua sendo o projeto mais ousado e bem-sucedido da Fundação, pois conseguiu garantir o credenciamento necessário junto ao MEC, equipar laboratórios de alto nível, alcançar estudantes satisfeitos com a qualidade técnica do corpo docente e agora lutar para ofertar curso de Direito em EaD”, assevera o advogado.

Valdir Pucci, diretor-geral da IES, celebra a ocasião em um misto de saudosismo e confiança de ainda mais realizações futuras. “Hoje a Republicana está consolidada no mercado educacional do DF, com a abertura do curso de graduação em Gestão Pública e dos cursos de pós-graduação de Assessoria Parlamentar e Análise e Marketing Político, entre outros. Além disso, aguardarmos a portaria autorizativa do MEC sobre o curso de Direito, estamos na fase de conclusão do processo junto a Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior (Seres), responsável pela formulação de políticas para a regulação e a supervisão de Instituições de Educação Superior. E queremos alcançar ainda mais pessoas! Por isso temos traçado planos para chegar ao restante do país por meio da Educação a Distância e da abertura de vários novos cursos”, revela.

 

Por Ellen Fernandes – Ascom FRB | Faculdade Republicana
Fotos: Carlos Gonzaga – Ascom FRB | Faculdade Republicana

compartilhe com amigos: